Colunista

Vanessa Fort

Por: Vanessa Fort

A gente acredita DE VERDADE que as histórias estão em todos lugares, basta a gente prestar atenção, de coração aberto. Poesia tem a ver com a vida: colore, conecta as coisas, ajuda nas traduções e significados. Um montão de coisas para fazer a vida arder, crescer, acolher em toda sua alegria e beleza.

Podemos criar muita coisa para estimular os pequenos a criar seus próprios significados e interpretações do mundo. Nós sabemos que, muitas vezes, estimular pode ser sinônimo de “deixar rolar” a natureza mais incrível da infância.

O escritório de arquitetura francês Hondelatte Laporte Architectes fez isso com toda delicadeza e criatividade ao pensar a linguagem do espaço muito além do seu aspecto funcional. Eles criaram um projeto incrível para a Creche francesa de nome “Girafa” (Crèche de la Girafe).  Eles foram literais na poesia e nas possibilidades da linguagem da arquitetura em conversa com o bairro onde o prédio (ou seria floresta?) está localizado.

girafa1

Foto de Philippe Ruault

Uma girafa parece estar tranquilamente comendo as folhas das árvores do prédio vizinho, enquanto um urso polar tenta subir na fachada do prédio e uma família de joaninhas anda pelo muro. O projeto transforma a arquitetura em narrativa. Os animais e as árvores conectam a natureza e movimento. Através das adoráveis formas das lindas esculturas dos animais, os pequenos são convidados a viver seus sonhos e criar seus próprios poemas.

urso polar

Foto de Philippe Ruault

Neste vídeo abaixo, a arquiteta responsável pelo projeto explica um pouco sobre o processo de criação do projeto (em francês):

La crèche de la girafe from Seguin-Rives de Seine on Vimeo.

Compartilhe:

   
Vanessa Fort
Vanessa Fort

Roteirista e produtora