As descobertas fascinantes do Museu Roald Dahl

6

A estrela do museu: a poltrona de Dahl, que ele mesmo construiu, dentro da edícula. Tudo exatamente como ele deixou. A disciplina de trabalho era a seguinte. Ele tomava seu café da manhã e ia à edícula às 10h30, onde trabalhava até o meio-dia. O almoço preferido era camarões com salada de alface e maionese, seguido de um gim tônica. De sobremesa, uma barra de chocolate. Depois de uma soneca, ele voltava à edícula e trabalhava das 16h às 18h. Depois voltava à casa para jantar

Deixe uma resposta